Este blog não aderiu ao Novo Acordo Ortográfico!

quinta-feira, 31 de julho de 2014

Segredo para todo o mundo ouvir!

Podem respirar! Vou acabar com o suspense sobre o meu tal segredinho que vos tenho falado ultimamente. Como tinha dito anteriormente, estava apenas à espera da minha consulta de nutrição, para saber como estão os valores de peso, massa gorda e massa muscular. A celulite propriamente dita, não é para aqui chamada, mas obviamente que ao reduzir a percentagem de massa gorda, também estou a diminuir a celulite. 

Então lá fui eu, meio curiosa e meio receosa. Assim que subi para a balança caiu-me o coração aos pés: o peso aumentara. Foram apenas 300g, mas ainda assim, não deixa de ser uma derrota e uma forma de desmotivar. Só quando saio de cima da balança é que ela dá os restantes dados, então sentei-me e esperei do veredicto da nutricionista, que tirou os seus apontamentos. De seguida tirou-me a medida da anca e da zona abdominal, como faz sempre. Novamente, aumentei ligeiramente o perímetro dos dois sítios. Oh meu Deus!

Voltei a sentar-me e a rapariga lá me disse para não desesperar! Ganhei massa muscular e perdi massa gorda. Por isso é que o peso aumentou ligeiramente e o aumento do perímetro também, pois os músculos ganharam volume. Eu bem lhe dizia que não me sentia diferente e que as roupas me servem da mesma forma. Estava explicado, ufffffaaaaaaaaaa....

Não se esqueçam que o que eu faço para emagrecer e, principalmente para reduzir o colesterol (que também reduziu, já agora), não passa por nenhum milagre. Tenho um plano alimentar que tento seguir o mais à risca possível e complemento com 30 minutos de exercício físico no mínimo 3 vezes por semana. Confesso que durante este mês desleixei um pouco a parte do exercício físico porque queria ver que resultados obtinha só com o meu dito "segredo" e já deu para tirar algumas conclusões. 

Muitos foram os vossos palpites. Desde cremes e chás milagrosos, a mézinhas estranhas de que nunca tinha ouvido falar (mas que fui investigar, entretanto!), mas acho que ninguém se aproximou nem um bocadinho da verdade. A Su ainda percebeu que se tratava de alguma máquina de exercício e apostou numa bicicleta fixa, mas como eu já tenho uma, não conta! Esta distraída e esqueceu-se.

A novidade é que decidi adquirir (em segunda mão, claro - não sou rica nem louca...) uma VibraFit, que é uma plataforma vibratória que ajuda a trabalhar os músculos de forma mais intensa. Uma das vantagens em treinar com a VibraFit (ou melhor, ao incluir a VibraFit no plano de treino) é que conseguimos trabalhar músculos que não trabalhamos com uma simples caminhada ou corrida. Pelo que investiguei é preciso cuidado com o treino pois se exagerarmos na dose podemos acabar facilmente com uma lesão muscular. O ideal seria mesmo ser acompanhada por um personal trainer, que obviamente não tive, mas quem frequente um ginásio terá com certeza facilidade em encontrar estas máquinas e o dito PT para apoiar.

A celulite, era a menor das minhas preocupações no meio disto tudo. Ela está cá e eu odeio-a mais que tudo na vida, mas já prefiro não pensar nela para não acabar deprimida... Assumo uma postura que não é bem aceitá-la... é mais ignorá-la, o melhor que consigo. Mas enquanto fazia a minha pesquisa sobre o uso destas máquinas, os prós e os contras e tuti tuti tuti, reparei que referiam em vários sites que se nota redução da celulite a partir do primeiro treino. Quando encarei com isto pensei logo "Epaaá! Ou esta gente é muito optimista ou mentem muito bem..." E é claro que não notei nada ao fim da primeira sessão, até porque essa foi muito soft, tal como é recomendado a quem está a iniciar o treino. Deixei passar umas quatro ou cinco até que resolvi por-me ao espelho à procura da mais pequena melhoria. Não a vi. Depois sentei-me na cama e apertei um bocado a pele da perna, junto às coxas, e fiquei parva. Antes, não há muito tempo, quando apertava assim este bocado de banha via logo a pele a ficar com aquele efeito de casca de laranja, toda enrugada entre os meus dedos. Mas naquele dia não vi nada. E não estou a embelezar a coisa! A pele ficou lisinha, sem nada que me faça lembrar laranjas. Fiquei com a sensação que pelo menos a camada mais superficial de celulite, se foi (se é que isso é possível, porque eu de anatomia percebo pouco). Continuo a vê-la cá encrustrada naquelas zonas complicadas, que para mim são as nádegas e as coxas, mas a verdade é que vejo pequenas mudanças. Por exemplo, estão a ver aquele momento em que cruzamos as pernas e a zona da coxa, da que fica por baixo, fica com a celulite toda à mostra? As minhas pernas ficam assim à mesma, claro, mas noto menos celulite. 

E era este o meu segredo! Reduzi a celulite, ganhei massa e volume muscular, perdi gordura... Não foi mau de todo. Este mês o meu plano foi novamente alterado, de modo a incluir mais peixe na minha rotina e vou começar a fazer novamente a parte do exercício como deve ser: pelo menos 30 min (que acabo fazendo sempre o dobro, mais ou menos), 3 vezes por semana. Mas vou acrescentar o treino na VibraFit na rotina para ver que diferenças (melhorias, espero) consigo alcançar até à próxima consulta, que já está marcada para Setembro. 

Entretanto estava a pensar fazer um post compilando a informação que juntei quando andei a pesquisar sobre a utilização das placas vibratórias. Acredito que tenham ficado curiosas.

6 comentários:

  1. Boa! Cá está o segredo revelado. Continua com essa motivação ;)

    Sónia
    Taras e Manias

    ResponderEliminar
  2. Respostas
    1. Sendo assim, força para ti também!

      Eliminar
    2. Se já estás no 63 é muito bom :D Vais ver que quando te dedicares mais a ti, emagreces num lanço :D
      Beijinhos e eu também te estou a seguir para ver as tuas dicas! Quero saber de evoluções ;D

      Eliminar
  3. Também já andei na nutricionista e valeu bem a pena o dinheiro investido. Eram para perder 5 quilos apenas, mas aqueles 5 quilos estavam mesmo a incomodar-me e há 2 anos que não conseguia livrar-me deles. Resultou!
    Beijinhos
    Autora do blog http://newblackis.blogspot.pt/

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Eu já lá ando há um ano, quase. Perdi 6 até agora, mas tenho que perder mais um bocadinho. Tem sido im processo lento, mas tem valido a pena quanto mais não seja por aprender a comer melhor :)

      Eliminar

Os comentários são sujeitos a moderação. Seja construtivo :)