Este blog não aderiu ao Novo Acordo Ortográfico!

segunda-feira, 22 de setembro de 2014

O Oceano no Fim do Caminho

Ainda estou um pouco desorientada com tudo o que li... Nem sei bem por onde começar a escrever. Mas isto é bom. Quando um livro me deixa sem palavras, é sinal que valeu a pena.

Podemos começar pela capa: não é linda? Foi o que me chamou a atenção assim que vi o livro. Só depois reparei de que livro se tratava. Ainda me recordo quando o livro foi publicado em Portugal, que não foi assim há tanto tempo, e desde então fiquei com curiosidade de o ler. Mas nunca foi uma prioridade na minha wishlist (grande erro da minha parte!) e acabei por o encontrar por acaso. Mas esta capa é tão bonita... Dei por mim, diversas vezes, só a admirar a capa (até mesmo agora, enquanto espero que as palavras fluam).

Já tinha lido outro livro deste autor, há alguns anos. Nem sei precisar ao certo quantos, mas ainda não tinha o blog e por isso não tenho cá a opinião. Mas foi daqueles livros que um dia gostava de reler (e é raro eu querer reler algum livro!). O livro em questão chama-se Bons Augúrios, e até andou desaparecido nos últimos dias. Na altura achei o livro um pouco estranho, por causa das criaturas divinas que por lá apareciam, mas sem dúvida que a história era muito boa. O livro falava do filho do demónio que foi enviado para a terra, acompanhado por um anjo e um diabrete, que o iriam proteger e orientar até ao dia em que a criança provocasse o Apocalipse. O mais engraçado é que há uma troca na maternidade e os personagens passam anos a vigiar a criança errada. Se tiverem oportunidade, é uma boa leitura.

Ao ler este livro, senti que a escrita me era de alguma forma familiar, talvez por me lembrar tanto o anterior. Mas O Oceano ao Fim do Caminho é diferente e achei a história muito mais trabalhada e cheia de pormenores. Adoro ler livros com uma boa dose de surrealismo, e que sejam tão bem contados, que me façam acreditar que tudo é possível. Normalmente, só Murakami tem este efeito em mim, mas depois de ler este livro, posso dizer que o Neil Gaiman também é um óptimo criador de novos mundos e outras realidades.

Sem dúvida, um livro que todos deviam ler :)

6 comentários:

  1. Gostei muito desse :D Tenho Bons Augúrios mas ainda não o li

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Quando leres depois quero saber o que achaste :) Eu gostei muito

      Eliminar
  2. Ois,

    A ver se arranjo, é caso para dizer é Gaiman é bom :)

    Bjs

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. É muito bom. Já leu mais alguma coisa dele?

      Eliminar
  3. Ois,

    Trata-me por tu, fico mais à vontade :D

    Sim li o Neverhere (deve estar mal escrito) unico que li dele e gostei sem duvida ;)

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Acho que é Neverwhere. Ainda não li esse. Ando a namorar o Deuses Americanos, mas tenho sempre o mesmo problema: é caro!

      Eliminar

Os comentários são sujeitos a moderação. Seja construtivo :)